BLOG DA VANDA

Crie glitters aqui!

Bem-Vindos!

barrinha zipper

Barrinha MaynaBaby

PENSAMENTO DA SEMANA:

PENSAMENTO DA SEMANA:

PENSAMENTO DA SEMANA:

PENSAMENTO DA SEMANA:
A NEVE E AS TEMPESTADES MATAM AS FLORES, MAS NADA PODEM CONTRA AS SEMENTES. (K. Gibran)

Total de visualizações de página

Pesquisar neste blog

SlideShow

Crie glitters aqui!

obrigada pela visita


Click here for Myspace Layouts

** MEUS VÍDEOS NO YT **

MEUS POEMAS VIDEOLOG

MEUS POEMAS VIDEOLOG
Poemas de Vanda de Freitas Bezerra

* VÍDEOS HOMENAGEM *

* POEMAS DE AMIGOS *

PREFACIO.NET (Literatura)

**** MEUS POEMAS ****

**** MEUS POEMAS ****

sábado, 3 de março de 2012

SOU ...


SOU ...
poema escrito por
Vanda de Freitas Bezerra

Sou como
o vento
que faz
a curva
lá na serra
Levando
as folhas
ressequidas
pelo tempo
Varrendo
a areia
leve
e solta
do caminho
Cruzando
campinas
e montes,
vagueando
pela Terra.

Sou como
a noite escura,
mas também
como dias
dourados.
Por vezes,
carrego
amargura.
Vezes outras,
sonho
encantado.

Sou como
a melodia
das fontes
Cantarolando
ao nascer
do dia.
Sou como
nuvens
no horizonte
Que refletem
nostalgia.

Sou também
ternura
e saudade.
Sou tristeza,
sou prazer.
Sou
a estrofe
inspirada,
pela Graça
de Viver!