BLOG DA VANDA

Crie glitters aqui!

Bem-Vindos!

barrinha zipper

Barrinha MaynaBaby

PENSAMENTO DA SEMANA:

PENSAMENTO DA SEMANA:

PENSAMENTO DA SEMANA:

PENSAMENTO DA SEMANA:
A NEVE E AS TEMPESTADES MATAM AS FLORES, MAS NADA PODEM CONTRA AS SEMENTES. (K. Gibran)

Total de visualizações de página

Pesquisar neste blog

SlideShow

Crie glitters aqui!

obrigada pela visita


Click here for Myspace Layouts

** MEUS VÍDEOS NO YT **

MEUS POEMAS VIDEOLOG

MEUS POEMAS VIDEOLOG
Poemas de Vanda de Freitas Bezerra

* VÍDEOS HOMENAGEM *

* POEMAS DE AMIGOS *

PREFACIO.NET (Literatura)

**** MEUS POEMAS ****

**** MEUS POEMAS ****

quarta-feira, 1 de setembro de 2010

INJURIADA (vandadefreitasbezerra)

INJURIADA

poema escrito por
Vanda de Freitas Bezerra
(30.07.86)

Não aprendi Oh! Meu Deus
Acalentar a amargura
Que injuria o meu viver
Nesse mundo de tortura.

Nas entrelinhas rabisco
Angústias e nostalgia
Com tristeza faço rimas
Nos versos dessa poesia.

Busco além da distância
Nos olhos da eternidade
Nas estrelas do infinito
Paz, amor, felicidade...

Sou como ave sem ninho
Que vôa sem ter destino
Sou qual estrela cadente
De um firmamento extinto.

Não vou transgredir Tuas leis
Meu Deus, nisso “pode crer”!
Perdoa-me as mágoas que trago
Nas fraquezas de meu “Ser”.